QUE TIPO DE GESTOR VOCÊ É?

É muito comum encontrar nas organizações de trabalho colaboradores, constantemente, insatisfeitos com suas chefias (perceba que usei a palavra chefia e não liderança).

Com o advindo das gerações “x”, “y” e “alpha” (preparem-se para essa última), as relações de trabalho mudaram. Hoje, não somos mais movidos apenas pelas compensações financeiras, mas 1) boas relações com os colegas e seus superiores, 2) um ambiente de trabalho positivo e 3) projetos com propósito e tarefas motivadoras são tão importantes quanto a remuneração.  

E para responder a essa demanda e gerenciar com eficiência, é preciso, primeiro, se conhecer como gestor, saber como estamos inseridos e como somos vistos. As definições abaixo são de Solomon Shwartz, com base nos valores pessoais e motivacionais do indivíduo. Para você encontrar seu perfil, deve ser feito um teste com 40 perguntas. O teste é baseado nos trabalhos de Shwartz (1992) e ajuda a compreender as atitudes, o comportamento das pessoas e de que maneira isso influi no ambiente das organizações.

Universalismo: Tem visão holística, é preocupado com o coletivo e bem-estar geral, mas tem dificuldade em prestar atenção no indivíduo.

Benevolência: Não significa “bonzinho”. É o gestor que ouve todas as partes antes de tomar qualquer decisão. A decisão pode ser mandar alguém embora.

Tradição/Conformidade: Possui valores fundamentados e bastante profundos. Seus valores, sejam eles morais ou religiosos, estão enraizados e pesam nas tomadas de decisões.

Segurança: Demora para tomar as decisões. A base de valor desse indivíduo está na segurança e minimização de erros. Ele se preocupa com decisões assertivas.

Realização: Toma decisões rápidas. Sua motivação está nas entregas e na realização de tarefas e trabalhos. Se houver erros, ele assume – faz parte da agilidade.

Poder: Aquele gestor “manda quem pode e obedece quem tem juízo”; “faz ou sai” . Não ouve as partes ou tampouco explica o porquê das decisões (um perfil cada vez mais raros nas corporações contemporâneas.) Muito comum em empresas com perfil de pirâmide.

Auto direcionamento: Gosta da independência do pensamento e de tomar as decisões sozinho. Pode ter dificuldades para trabalhar em equipe.

Estimulação: O gestor da inovação! Gosta de estar sempre inserido em desafios, novidades e mudanças.

Hedonismo: A motivação desse perfil está no elogio, nas afirmações verbais. Aquele chefinho que se acha. Faz um elogio para ele e você está feito.

Quer fazer o teste e achar seu perfil? Mande um e-mail para mim e coloque "TESTE SHWARTZ" no assunto e envio para você: ana.cabral@buildhealth.com.br

outros posts

Vamos fazer algo grandioso juntos!

contate-nos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.